Fundador: 
Adriano Lucas (1925-2011)
Director: 
Adriano Callé Lucas

Acusados de mega burla com venda de carros remetem-se ao silêncio


Diana Cohen sexta, 19 maio 2017
Sete pessoas acusadas de envolvimento num esquema de venda de carros usados com quilometragem adulterada começaram, ontem, a ser julgadas no Tribunal de Espinho, tendo os três principais arguidos optado por não prestar declarações. Dezenas de pessoas, entre as quais os actores Lourenço Ortigão e Diogo Amaral, terão comprado, a um comerciante de automóveis com stand em Arrifana, Santa Maria da Feira, automóveis de gama alta que valiam muito menos do que aquilo que pagaram por eles, uma vez que os números indicados no conta-quilómetros não correspondiam à realidade. Na verdade, as viaturas haviam percorrido muitos mais, nalguns casos, o dobro, estimando-se que os suspeitos tenham “lucrado”, em média, cinco mil euros por cada veículo. Só o proprietário do stand, que se encontra em prisão preventiva, está acusado de mais de 700 crimes de burla qualificada, falsidade informática e falsificação de documento, em co-autoria com o pai, também arguido no processo.
Leia a notícia completa na edição em papel.

Diários Associados