Fundador: 
Adriano Lucas (1925-2011)
Director: 
Adriano Callé Lucas

Banco Alimentar desafia empresas a apoiar causa


sexta, 22 maio 2020

O Banco Alimentar Contra a Fome de Viseu lançou o desafio às empresas da região de apoiarem a instituição numa altura em que decorre mais uma campanha de recolha, no entanto em moldes diferentes dos habituais, sem voluntários nos supermercados, por causa da pandemia de covid-19, mas através de vales nos supermercados e da internet.
“Uma vez que será difícil conseguirmos as 70 toneladas de alimentos que normalmente angariamos nas campanhas de supermercado, somente com as campanhas ‘Online’ e ‘Vale’, para fazer face às mais de seis mil pessoas apoiadas no distrito, mais as que nos têm chegado em virtude da pandemia – até à data de hoje mais de 700- resolvemos apelar e lançar o desafio às empresas da região, a amigos e outros grupos sociais”, refere a presidente do Banco Alimentar de Viseu Fátima Ribeiro, sublinhando que esse contributo “ditará a continuidade da ajuda que o Banco Alimentar contra a Fome de Viseu presta mensalmente a 97 instituições”.
As empresas poderão escolher de uma lista elaborada pelo banco alimentar o valor do donativo referente à palete ou paletes de alimentos que depois serão encomendados ao Recheio.
“Até ao momento, já conseguimos apoio de várias empresas, entre as quais a Visabeira, Martifer, FR Travel, Sosel, Móveis Oliveira, Vougatintas, Movecho, CBI, Goucam, Gialmar, Matinfra, SVP Auto, Hotel Grão Vasco, Carmo Madeiras, Audijol, Pixies, Socimavis e Dietmed”, refere a responsável.
Até ao final deste mês, os portugueses podem contribuir através da ‘Ajuda Vale’ nas caixas dos supermercados e/ou do portal de doação online. Sob o mote ‘Ajude a preencher este vazio’, a campanha deste ano do Banco Alimentar pretende sensibilizar os portugueses para as "muitas famílias que são afectadas por um cenário de carência alimentar todos os dias, uma situação agora agravada, reforçando a importância do contributo e envolvimento de cada um".